Doutor em Letras Pablo Jamilk explica que linguagem "Neutra" de gênero não faz sentido
14/05/2021 16:50 em Podcast

O um dos assuntos mais polêmicos nos últimos tempos é a “Neutralização de Gênero na Língua Portuguesa", essa linguagem vem sido pregada por pessoas que querem adotar um terceiro gênero neutro na fala e escrita, ele não é nem masculino, nem feminino.

Amplamente defendida por pessoas públicas, e algumas instituições de ensino, o assunto causa polêmica. Boa parte dessas opiniões, não possuem um fundamento acadêmico, e só expressam o pensamento popular. Mas o que os profissionais têm a dizer sobre o assunto?

O Doutor em Letras Pablo Jamilk, atuante no mercado digital desde 2010, leciona para alunos do país inteiro, que por meio de suas aulas online, cursos e palestras, buscam alcançar bons resultados no Enem em concursos e vestibulares.


O professor faz um apanhado geral sobre como surgiu a língua portuguesa, e deixa claro que as palavras não indicam o gênero da coisa (pessoa), elas fazem referência ao gênero da palavra, reforçando que a linguagem “neutra” não faz sentido.
O professor que é um defensor da causa LGBTQIA+, explica que essa linguagem não é inclusiva e sim é uma maneira de segregar mais ainda a população.


Acompanhe essas explicações em nosso podcast:

 

COMENTÁRIOS

       

     

          

PUBLICIDADE